SC Vouga - Voltar Notícias

Responsabilidade Social, Aventura e Shimano GRX

09.Junho - 2021

Combinar tecnologia com a natureza é sem dúvida um desafio, no entanto a Joana e o Tiago mostram-nos que é possível. Como? Através das bicicletas.

A partir desta imagem, facilmente percebemos que há algo que se destaca logo de imediato: o quadro da bicicleta e a sua cor de madeira. Neste caso, por ser construído mesmo em madeira, mais especificamente bambu.

 

Como se iniciou este projeto inspirador “bam•bu bicycles”?

 

Somos dois irmãos que sempre sonharam em trabalhar juntos num projeto inspirador. Mas nunca nos passou pela cabeça que essa oportunidade aconteceria enquanto morasse e trabalhasse na China em 2018.

Lá, ficámos deslumbrados com o bambu, com os seus benefícios surpreendentes e todas as possibilidades de construir qualquer coisa com este material bonito e sustentável. Quando descobrimos as bicicletas de bambu, ficámos maravilhados com sua aparência única, belo design, leveza e conforto para andar. Imediatamente, nos apaixonamos pela ideia de começar a fabricar nossas próprias bicicletas de bambu e ser os primeiros construtores de quadros de bambu no nosso país - Portugal.

Inspirados nas iniciativas da INBAR para promover os benefícios econômicos, sociais e ambientais desta ´erva´, decidimos colocar mãos à obra e dar vida à nossa empresa de bicicletas de bambu.

Em seguida, construímos o nosso primeiro protótipo. Empolgados com os resultados, construímos três bicicletas de bambu para percorrer o famoso Caminho de Santiago e fizemos uma aventura inesquecível, com nosso irmão mais novo em 2019.

Desde então, temos aprimorado os nossos produtos com o coração e a alma para trazer as melhores bicicletas de bambu que a natureza pode oferecer.

 

Desenvolvimento e implementação a médio prazo?

 

Estamos a finalizar os dois primeiros modelos de cidade (´Bical´ low bamboo frame e ´Baga´ high bamboo frame), a fazer um upgrade no nosso website e preparar o lançamento oficial este Verão e a planear uma campanha de crowdfunding até ao final do ano.

Esperamos fechar as primeiras vendas e parcerias com Eco-Resorts, Turismos Rurais, Hoteis, entre outros canais de turismo nos próximos meses.

Outra das vertentes do projeto será a organização de workshops, para quem tiver interesse em construir a sua própria bicicleta de bambu e ter um contacto mais próximo com o material.

Por outro lado, temos planeado desenvolver outro método de construção dos quadros, mas ainda com materiais sustentáveis para poder escalar a produção numa próxima fase.

 

Maiores dificuldades ligadas ao projeto de bicicletas sustentáveis?

 

Construir com bambu apresenta os seus desafios. Ao contrário do aço ou carbono, não podemos simplesmente pedir tubos com especificações precisas. É inconsistente em forma, tamanho, espessura e diâmetro. É preciso muita experiência com o material para ver o que vai funcionar e o que não vai.

Neste momento o nosso foco é o design e construção do quadro da bicicleta, onde para além de bambu e fibra de cânhamo como materiais principais, utilizamos resinas (epoxy). Tem sido difícil encontrar fornecedores competitivos de fibras de cânhamo com o grau de processamento que precisamos e também encontrar fornecedores de eco-epoxy.

Na fase seguinte, procuramos eliminar as juntas de resina para tornar o produto ainda mais sustentável.

Por outro lado, e indo de encontro ao nosso objetivo, pretendemos trabalhar com fornecedores nacionais, contudo há poucas empresas que se dediquem à fabricação dos componentes propriamente ditos a nível nacional. Procuramos fornecedores de componentes e materiais que sejam sustentáveis ​​e tenham práticas sustentáveis.

Ainda somos um projeto em fase inicial, mas esperamos conseguir colaborar com fornecedores nacionais de uma maneira continua.

Para além do quadro em bambu, temos interesse em desenvolver outras partes da bicicleta para que sejam mais sustentáveis, quer seja com bambu (exemplos: aros, guiador), cortiça (exemplos: punhos, selim) ou outros materiais. Por isso estamos sempre abertos a que nos contactem para possíveis colaborações.

 

Ajudas e contribuição de terceiros?

 

Temos tido o apoio por parte dos concursos de empreendedorismo que temos participado como finalistas, o Acredita Portugal e MoBAE, e também apoio por parte da Câmara de Anadia com o Invest Anadia. Na parte de desenvolvimento do Produto e conhecimento do material, sem dúvida que aprendemos muito na China, e temos desenvolvido a partir desse conhecimento

Nesta última aventura com o influencer espanhol @losviajesdewalliver, para o qual construímos uma bicicleta gravel de bambu, estamos profundamente agradecidos pelo apoio por parte da Sociedade Comercial do Vouga, em especial do Vasco Portugal, e também do nosso fornecedor de bambu, Bambusa, que tem sido um apoio incrível em todos os projetos, ao nível do material.

Também a Câmara de Anadia e a Rota da Bairrada apoiaram esta iniciativa e fizeram com que fosse possível a construção da bicicleta gravel de bambu para o Sergi.

Num futuro vamos procurar colaborações para desenvolver bicicletas elétricas de bambu e também colaborações para pontos de apoio para bambu e reparação de bicicletas em Portugal e Espanha (numa fase inicial).

 

Pensamentos

 

Combinamos a tecnologia com a natureza de uma forma direta. Construímos bicicletas de bambu, em Portugal, com uma alma artesã, com o objetivo de inspirar uma comunidade à volta de um estilo de vida saudável com elegância e originalidade.

Somos uma marca de bicicletas de bambu, com a missão de inspirar viagens épicas e experiências únicas promovendo o bem-estar e a mobilidade sustentável em Portugal.

Adoramos a ideia de usar o bambu para promover o ciclismo sustentável e inspirar as pessoas a viver num mundo onde todos se movem de forma sustentável no nosso planeta.

Promovendo a mobilidade sustentável com um design apelativo e o bambu como material resistente, leve, duradouro, resistente aos elementos e com um impacto positivo no ambiente, com emissões de carbono negativas.

 

Os componentes que equipam a bicicleta

 

Shimano GRX | Diferencia-se do resto do mundo dos componentes com a sua ergonomia específica para gravel, opções de mudanças otimizadas, confiabilidade robusta e transmissão silenciosa e estável. Representa uma visão inicial de como os ciclistas pretendem explorar o seu mundo.

O Shimano GRX ajuda-te a eliminar desculpas, em vez disso, incita-te a experimentar aquele desvio difícil ou fazer aquela corrida um pouco mais longa. Proporciona-te a opção de explorar mais além.

 

Manípulo de Travão/Manete de Mudanças

Os manípulos Shimano GRX (RX-810) oferecem uma passagem de mudanças leve e responsiva em terrenos mistos. O design ergonómico do manípulo otimiza o conforto e a manete de travão texturada e antiderrapante melhora o controlo em terreno acidentado.

+ info: https://fal.cn/3fWRC

 

Pedaleiro

O pedaleiro Shimano GRX (RX-810-1) tem um equilíbrio perfeito entre peso e eficiência em terreno misto. As opções de transmissão respondem às necessidades específicas de quem pedala off-road, havendo várias opções de rodas pedaleiras (40D e 42D) e comprimentos distintos de crenques (170, 172,5 e 175mm).

+ info: https://fal.cn/3fWRF

 

Mudança de trás

Com um mecanismo integrado de estabilizador de corrente (tecnologia Shadow RD+) esta mudança Shimano GRX (RX-812 de 11v) oferece uma experiência mais silenciosa, segura e precisa na passagem de mudanças em terrenos misto, evitando os típicos saltos da corrente em pisos mais acidentados para as superfícies lisas, o desviador traseiro tem um interruptor ON/OFF para o tensor de corrente.

+ info: https://fal.cn/3fWRI

 

Cassete

A cassete Shimano Deore XT (M8000 de 11-42D) tem um peso reduzido, mas preserva a durabilidade graças a um suporte de carretos em titânio. É uma cassete que proporciona mudanças precisas mesmo nas situações mais exigentes.

+ info: https://fal.cn/3fWSD

 

Corrente

A corrente (HG701-11) é direcional e possui tratamento SIL-TEC nos roletes e pratos dos seus elos para aumentar a durabilidade.

+info: https://fal.cn/3fWU0

 

Contactos “bam•bu bicycles”

 

Facebook: @bambubicycles

Instagram: @bambubicycles

Website: www.bambu-bicycles.com

E-mail: bambubicycles@gmail.com

 

 

Se quiseres estar atento à bicicleta em questão, poderás seguir o Sergi Unanue (@losviajesdewalliver) e acompanhar toda a sua viagem pela Europa, desde a ponta mais a sul (Punta de Tarifa-Espanha) até ao ponto mais a norte (Cabo Norte-Noruega), percorrendo assim um total de 7.000kms em modo bikepacking.

gravel shimano grx bambu

motociclismo
e acessórios
ciclismo
e acessórios
floresta
e jardim